Nada é o que parece ser

Sentada num banco, apreciando as águas caírem cachoeira abaixo, avisto uma pequena cobra coral (?) vindo em minha direção. Observei como ela levantava a cabeça, como se estivesse se preparando para um golpe instintivo. Mas, ela muda de direção e desaparece atrás da arvore. Fiquei atenta, esperando algum sinal da sua existência no balançar da folhagem, mas surpreendentemente, sai pelo outro lado do tronco um pequeno passarinho, saltitando e cantando.

Na mesma hora, um universo cheio de ideias esotéricas tomou conta da minha mente. Meu coração se encheu de alegria e apenas uma confirmação me parecia lógica: aquilo era mágica; um espetáculo da natureza Divina!

Às vezes, o perigo pode ser apenas aparente. Às vezes, quando encarado com tranquilidade e equilíbrio, sem reagirmos impensadamente, o perigo pode revelar-se inofensivo. Às vezes, aquilo que vemos não é exatamente o que aparenta ser. E tantas outras vezes, podemos mudar a energia ao nosso redor de forma a nos brindar com a vida, com o amor, com a magia positiva do cosmo, como um passarinho inocente a cantarolar.

Hoje, certamente, é mais uma dessas vezes em que, como passo de mágica, todos os movimentos da vida estavam sincronizados com o relógio universal.

Anúncios
Esse post foi publicado em Meditando e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s